Informação sobre fimose, causas, sintomas e tratamento da fimose, identificando seu diagnóstico assim como de outras patologias do pênis, como parafimose, hipospádia, epispãdia, balanites, carcinoma, priapismo, doença de Peyrone e outras.


domingo, 3 de agosto de 2014

Diagnóstico e tratamento de fimose

Na fimose fisiológica, condições benignas podem ocorrer, sendo comuns em homens não circuncidados, inclusiindo cistos relacionados à produção de esmegma/captura e balonismo indolor transitório do prepúcio durante a micção. Estas são consideradas variações normais que normalmente resolvemr com a retração manual suave diária. 
Fimose patológica não se resolve naturalmente e motiva outras complicações, como irritação peniana ou sangramento, inchaço do prepúcio com a micção, resultando em forte dificuldade em urinar ou na retenção urinária, dor ao urinar (disúria), ereções dolorosas, infeções recorrentes do prepúcio (balanopostites), parafimose (prepúcio preso na posição retraída por trás da cabeça do pênis), ou infeções do trato urinário que podem necessitar de tratamento. O seu médico irá referenciar um urologista pediátrico para uma avaliação mais aprofundada na criança.

TRATAMENTO DA FIMOSE
Tratamentos para fimose varima em função da criança e da gravidade da fimose. Os tratamentos podem incluir, suave retração manual diária, aplicação de pomada corticosteróide tópica ou circuncisão.

Corticoterapia tópica
Prestadores de serviços médicos podem recomendar a aplicação de pomada esteróide tópica para crianças com fimose. Este é um tratamento eficaz para a maioria dos homens. Estas pomadas são utilizadas para ajudar a amaciar o prepúcio apertado em torno do pénis, de modo que o prepúcio possa ser facilmente recolhido. Seu provedor de saúde irá demonstrar como aplicar a pomada no anel apertado do prepúcio e/ou cabeça do pênis. A pomada é massajada nas áreas afetadas, duas vezes ao dia por 6 a 8 semanas juntamente com alongamento manual/retração duas vezes por dia. Uma vez que o prepúcio possa ser totalmente retraído, a pomada é interrompida, e a retração diária manual (durante banhos quentes) vai evitar que a fimose ocorra novamente.

Circuncisão
A circuncisão masculina refere-se à remoção cirúrgica do prepúcio. A circuncisão muitas vezes não é necessária para o tratamento de fimose.
Em alguns casos raros, o seu urologista pediátrico pode recomendar a circuncisão devido a uma falha da pomada esteróide, fimose patológica, parafimose (prepúcio preso na posição retraída por trás da cabeça do pênis), infeções do trato urinário recorrentes ou balanopostite grave recorrente.

POSTAGENS POPULARES
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL