Informação sobre fimose, causas, sintomas e tratamento da fimose, identificando seu diagnóstico assim como de outras patologias do pênis, como parafimose, hipospádia, epispãdia, balanites, carcinoma, priapismo, doença de Peyrone e outras.


segunda-feira, 30 de junho de 2014

Saiba o que é fimose

Fimose é definida como a incapacidade de retrair a pele (prepúcio) que cobre a cabeça (glande) do pênis. A fimose pode aparecer como um anel apertado "tipo elástico" no prepúcio, em torno da ponta do pênis, evitando a retração completa. Fimose é dividida em duas formas, fisiológica e patológica. Incidência atual de fimose é de cerca de 1% em meninos do 7 º ano.

FIMOSE FISIOLÓGICA
As crianças nascem com o prepúcio apertado no momento do nascimento e a separação ocorre naturalmente ao longo do tempo. Fimose é normal para o incircunciso bebê/criança e geralmente resolve-se em torno dos 5 a 7 anos de idade, podendo, no entanto ocorrer mais tarde.

FIMOSE PATOLÓGICA
Fimose patológica é a fimose que ocorre devido à cicatrização, infecção ou inflamação. Forte retração do prepúcio pode levar a hemorragia, cicatrizes e trauma psicológico para a criança e seus pais. Se houver inchaço do prepúcio durante a micção, dificuldade de urinar, ou infecção, pode justificar-se o seu tratamento.

Cuidados com pênis incircunciso
Nenhum cuidado especial é necessário para prepúcio na infância. O prepúcio não deve ser forçosamente retraído, mas antes deve ser retraído suavemente. Nos primeiros anos de vida, a retração suave com limpeza debaixo do prepúcio é suficiente durante a troca de fralda ou banho e irá resultar em retração progressiva ao longo do tempo. Uma vez que a criança é mais velha e o prepúcio se retrai totalmente, ela vai começar a recolher, limpar e secar debaixo do prepúcio como parte de sua rotina de higiene. Depois da retração, o prepúcio deve ser puxado para trás sobre a cabeça do pênis e voltar à posição normal.

POSTAGENS POPULARES

ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL